segunda-feira, 16 de julho de 2018

Festa para o Opala

Divulgação      Clássico brasileiro já foi considerado o melhor motor nacional

Nelson Tucci

O Auto Show Collection, tradicional evento de carros antigos realizado no Sambódromo do Anhembi, organizará amanhã (17) a Noite do Opala. O clássico brasileiro – que já foi considerado o melhor motor nacional – receberá uma homenagem pelos seus 50 anos, com a presença de pilotos da Stock Car, Old Stock Race, clubes de várias regiões do Estado.
O evento, na capital paulista, marcará os 50 anos de lançamento do Opala, primeiro automóvel de passeio fabricado pela General Motors no Brasil e que, passados 26 anos após ter saído de linha, mantém uma legião de fãs em todo o país. A exposição reunirá 102 veículos originais, nos modelos sedã, cupê e a perua Caravan, fabricados de 1969 a 1992, em encontro co-organizado com o Clube do Opala de São Paulo.
Além dos carros originais, a Old Stock Race estará presente com Opalas de corrida na competição realizada em várias etapas no Autódromo de Interlagos. A programação completa do evento está em www.autoshowcollection.com.br

RESILIÊNCIA – O maior evento anual do setor da distribuição de veículos da América Latina, realizado pela Fenabrave, acontecerá nos dias 7 e 8 de agosto, no Transamérica Expo Center, em São Paulo. O 28º Congresso & Expo Fenabrave traz, como tema central, “Resiliência. O mundo é digital e o relacionamento é humano”, e espera-se mais de 3 mil pessoas, entre congressistas e visitantes na área de exposições.
Neste ano, além da programação normal – cerimônia de abertura, palestra magna, painel de encerramento, a apresentação da J.D. Power – a participação da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) também poderá ser acompanhada pela imprensa.
No primeiro dia o painel de lançamento do Sistema de Inteligência Territorial da Macrologística Agropecuária contará com as presenças de Blairo Maggi, ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; Joaquim Lima de Oliveira, ministro chefe da Secretaria Geral da Presidência da República; Eumar Novacki, secretário executivo do MAPA; Maurício Lopes, presidente da Embrapa; Alarico Assumpção Júnior, presidente da Fenabrave, Fenacodiv e Aladda; e Luiz Carlos de Carvalho, presidente da ABAG, com moderação de Evaristo de Miranda, chefe da Embrapa Territorial.
A mesa redonda que acontece no dia 8 de agosto discutirá os assuntos relacionados à logística brasileira e receberá Gustavo Spadotti, da Embrapa, Renato Pavan, presidente da Macrologística e da Embrasilos e terá Eumar Novacki como moderador.

DE NOVO – Dia 2 julho, neste espaço, comunicamos um grande recall da FCA – Fiat Chrysler. Passadas duas semanas, adivinha só quem está de volta? A FCA, desta vez convocando os felizes proprietários dos modelos Dodge, Chrysler, Jeep e Freemont a agendarem junto a uma concessionária da marca, a partir de hoje (16) a atualização do software da central de injeção eletrônica.
Os modelos envolvidos são o Dodge Jorney ano/modelo 2014 a 2018 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de 105355 a 412307; Dodge Durango ano/modelo 2014 e 2015 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de 279153 a 953627; Dodge Challenger ano/modelo 2015/2015 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de 712534; Chrysler 300 ano/modelo 2014 a 2016 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de 237744 a 111303; Jeep Cherokee ano/modelo 2014 e 2015 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de 134303 a 792687; Jeep Compass ano/modelo 2016 a 2018 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de H00104 a J01073 ; Jeep Grand Cherokee ano/modelo 2014 a 2018 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de 265215 a 423556; Freemont ano/modelo 2014 e 2015 – chassis (6 últimos dígitos – não sequenciais) de 100154 a 680020
No comunicado – acompanhado pelo Procon-SP – , a empresa informa ter detectado que, na hipótese de o piloto automático do veículo estar acionado, uma eventual falha da central de injeção eletrônica não permitirá a sua desabilitação, mantendo assim a aceleração do veículo, o que pode comprometer as condições de dirigibilidade e aumentar o risco de colisão, com consequentes danos físicos e materiais ao motorista, aos passageiros e a terceiros. Para agendamento e mais informações 0800 703 7150 – www.jeep.com.br e 0800 707 1000 – www.fiat.com.br

DRONES – Estão abertas até 1° de agosto as inscrições para o curso de atualização em drones – seus produtos e suas aplicações, coordenado pelo Núcleo de Geoprocessamento do Departamento de Engenharia Civil (DECiv) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). O curso é semipresencial, com aulas teóricas, de laboratório e de campo.
A atividade pretende atender as demandas de quem necessita de conhecimentos sobre o assunto e difundir os conceitos e práticas para o bom uso dessa tecnologia. A carga total é de 82 horas, sendo 40 horas de aulas presenciais e 42 horas não presenciais. As aulas têm início previsto para 17 de agosto no Campus São Carlos da UFSCar, com término em outubro de 2019.
São pré-requisitos para inscrições: ter conhecimentos básicos de Informática, Geografia e Cartografia e dominar a leitura e a compreensão dos idiomas do material didático do curso (Português, Espanhol e Inglês). Estão sendo oferecidas 25 vagas. As aulas presenciais serão ministradas aos sábados, das 8 às 12 e das 14 às 18 horas. Mais informações em www.nucleodegeo.ufscar.br

BÊBADOS – A fiscalização da Lei Seca autuou 11 pessoas em operação realizada durante a tarde e a noite de sábado último (14), em Santos. Ao todo foram fiscalizados 557 veículos durante blitz realizada na Avenida Presidente Wilson.
Os condutores foram autuados por embriaguez ao volante ou recusa ao teste do etilômetro e terão de pagar multa no valor de R$ 2.934,70, além de responderem a processo administrativo no Detran.SP para a suspensão do direito de dirigir por 12 meses.
Um dos motoristas autuados, além dessas penalidades, também responderá na Justiça por crime de trânsito porque apresentou índice a partir de 0,34 miligramas de álcool por litro de ar expelido no teste do etilômetro. Se condenado, poderá cumprir de seis meses a três anos de prisão, conforme prevê a Lei Seca, também conhecida como “tolerância zero”.

Nelson Tucci é editor de Veículos & Negócios, do Jornal PERSPECTIVA.
Leia também no site www.jornalperspectiva.com.br

segunda-feira, 9 de julho de 2018

Crescem emplacamentos no semestre

Divulgação     Mais 12,37% na comparação com igual período do ano passado

Nelson Tucci

O emplacamento de veículos automotores no primeiro semestre do ano – encerrado dia 30 último – cresceu 12,37% na comparação com igual período do ano passado. Informação é da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) divulgando o desempenho no mês de junho e do acumulado dos primeiros seis meses do ano.
De acordo com a entidade foram vendidos 1.691.556 veículos no primeiro semestre do ano, entre automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros, representando crescimento de 12,37% na comparação com a mesma base de 2017.
Apenas neste junho último, as 287.721 unidades vendidas representaram alta de 3,85% perante igual mês de 2017. Entretanto, o resultado quando comparado ao mês de maio, mostra queda de 2,45%. Para o presidente da federação, Alarico Assumpção Jr., os resultados não foram melhores em função da greve dos caminhoneiros.

RELATÓRIO – A Costa Cruzeiros apresenta a edição 2017 do relatório de sustentabilidade "Sea You Tomorrow - A Route to the Future”, com os projetos e os resultados alcançados ao longo de 2017 e que seguem a estratégia de desenvolvimento sustentável definida pela Agenda 2030 da ONU.
“Para a Costa, a sustentabilidade é um ativo estratégico para todos os processos corporativos, voltado sempre para uma abordagem de inovação responsável. Por meio dessa agenda sustentável, temos uma oportunidade extraordinária para identificar soluções e promover novas formas de economia. Somos a primeira empresa da indústria de cruzeiros a aceitar o desafio de atuar em linha com os objetivos da Agenda 2030 e estamos enfrentando essa questão com grande senso de responsabilidade. Um exemplo desse compromisso são os dois novos navios que encomendamos, os primeiros do setor de cruzeiros movidos por Gás Natural Liquefeito (GNL), o combustível fóssil mais limpo do mundo atualmente”, diz Neil Palomba, presidente da Costa Crociere.
“O Relatório de Sustentabilidade apresenta resultados significativos, alcançados graças a uma abordagem integrada e multisetorial que envolve diferentes públicos, incluindo os hóspedes a bordo. Estamos fortemente comprometidos em consolidar o projeto 4GoddFood, no qual temos a meta de reduzir em 50% o desperdício de alimentos a bordo dos navios da Costa até o ano de 2020, 10 anos antes do objetivo proposto pela Agenda 2030 da ONU”, explica Stefania Lallai, diretora de Sustentabilidade da Costa Crociere.
O Relatório de Sustentabilidade da Costa Cruzeiros é dividido em três seções: Mar, Você e Amanhã, que abordam as questões relativas à proteção ambiental, a criação de valores compartilhados e a inovação responsável, pilares para as iniciativas da companhia.

Divulgação         Dunlop comemora parceria com Toyota

PNEUS – Juntas desde 2015, trabalhando em parceria, a Dunlop e a Toyota resolveram estreitar mais os laços em 2018. A união entre as empresas se estendeu para o mais recente lançamento do Yaris.
A contribuição da Dunlop como uma das fornecedoras para o novo modelo da Toyota é o pneu EC300+, na medida 185/60R15 84H para equipar versões hatchback e sedã, com opções de motores 1.3 e 1.5. De acordo com a assessoria, o EC300+ conta com “tecnologia sustentável, que garante baixo consumo de combustível, além de oferecer conforto ao dirigir, maior durabilidade e excelente frenagem em todas as superfícies”. A expectativa da extensão da parceria é de repetir o sucesso alcançado nos modelos Hilux (cabines simples e dupla) e SW4, que são vendidos com os pneus AT20 e AT25, responsáveis por render à fabricante de pneus prêmios de excelência de qualidade nos anos de 2016 e 2017.
“Este é um acontecimento muito importante e que merece ser celebrado pela Dunlop. O segmento é bastante promissor para a empresa e avançamos em um mercado extremamente competitivo. Com a ampliação da parceria, nosso planejamento é aumentar as vendas para montadoras em quase 10%.”, afirma Leandro Baruta, gerente sênior de Equipamento Original.

RECALL – A Audi do Brasil convoca proprietários dos veículos modelos A4 Avant 2.0, A4 Sedan 2.0, A5 Cabriolet 2.0 e A5 Sportback 2.0, ano/modelo, 2013 e 2014, fabricados entre 16/2/12 e 21/5/14, a agendarem junto a uma concessionária da marca, a substituição da bomba suplementar do líquido de arrefecimento do motor.
No comunicado, a empresa informa que partículas no líquido de arrefecimento provenientes de agentes externos ou penetração de umidade na eletrônica da bomba suplementar de arrefecimento do motor podem acarretar o bloqueio do componente. Se bloqueada ou em curto-circuito, esta bomba pode superaquecer, com risco de incêndio no compartimento do motor, podendo ocasionar danos físicos e materiais aos ocupantes do veículo e a terceiros.
Para agendamento e mais informações, a Audi disponibiliza o telefone 0800 777 2834 e o site www.audi.com.br

RECALL MOTO – A Polaris do Brasil Importação e Comércio de Veículos e Motocicletas Ltda. convoca os proprietários dos veículos RZR XP 1000 e RZR XP4 1000, ano/modelo 2014 a 2018 fabricados entre 30/09/13 e 03/10/17, a agendarem junto a uma concessionária da marca, a substituição do protetor térmico (defletor de calor).
No comunicado, a empresa informa que alguns veículos foram fabricados com o protetor térmico incapaz de isolar adequadamente os gases de escapamento quando da ocorrência de fissura no silencioso do escapamento, podendo resultar em derretimento de componentes próximos e, consequentemente, risco de incêndio, ocasionando danos graves ou fatais ao condutor e/ou terceiros.
A empresa alerta que a utilização desses veículos deve ser suspensa imediatamente até que a substituição seja realizada. Mais informações pelo fone (19) 3115.9344/9346, das 8 às 18 horas, email garantiabr@polaris.com e site www.polarisdobrasil.com.br

PEÇAS – O Relatório da Frota Circulante 2018, produzido pelo Sindipeças, revela que a idade média da frota nacional de veículos é de nove anos e sete meses, a maior dos últimos anos. O levantamento diz ainda que 52% do total têm entre seis e 15 anos de idade. Veículos que exigem manutenção e reposição de peças, o que pode se tornar um problema para marcas de carros antigos ou fora de linha.
Na hora que um desses fora de linha quebrar, os sites de comércio eletrônico podem ser uma boa alternativa para a aquisição de peças. Um deles é o ArsenalCar, reunindo em seu centro logístico, na Grande São Paulo, itens para carros de marcas e modelos, a partir da década de 70, entre os quais Opala, Chevette, Vectra, Fusca, Kombi, Corcel, Escort, entre outros. Mais em www.arsenalcar.com.br

LOGÍSTICA – A Tereos e a VLI anunciam investimento conjunto para a construção de dois armazéns de açúcar no estado de São Paulo e a assinatura de um contrato de longo prazo para o transporte de 1 milhão de toneladas de açúcar bruto por ano. Os armazéns serão instalados dentro do sistema ferroviário da VLI, que começa no interior de São Paulo e termina no Porto de Santos. Durante este ano fiscal e o próximo, a Tereos investirá um total de R$ 145 milhões e a VLI aportará outros R$ 60 milhões em dois anos.
A Tereos, segunda maior produtora de açúcar do mundo, assegura infraestrutura logística para o escoamento, do interior do estado até o porto, da sua atual produção própria de açúcar bruto e vendas originadas por trading. A parceria prevê um acordo comercial para transporte ferroviário de açúcar bruto com destino à exportação. As cargas partem do terminal intermodal da VLI na cidade de Guará, no Noroeste de São Paulo, próximo ao polo de produção da Tereos, e seguem pelos trilhos até o Tiplam, terminal portuário da VLI em Santos. De 2013 a 2017, o açúcar transportado pela VLI nessa mesma rota dobrou (passando de 2,3 milhões de toneladas para 4,6 milhões de toneladas), impulsionado pela operação desses terminais.
O Brasil é o maior produtor mundial de açúcar, com uma participação de mercado próxima a 50% das exportações mundiais. O investimento anunciado, em um mercado-chave para o açúcar como o Brasil, oferece uma sólida plataforma de entrada para a Tereos no segmento logístico brasileiro.

Divulgação                   Modelos venderam 18% mais no 1° semestre

MERCEDES – As vendas dos modelos Sprinter Mercedes-Benz – da categoria de “Large Vans” (3,5 a 5 toneladas de PBT) – cresceram 18% no primeiro semestre deste ano. Entre janeiro e junho, foram emplacadas 3.256 unidades, ante 2.766 unidades no mesmo período de 2017. Com isso, a Empresa atinge 37% de participação no acumulado do ano.
“O crescimento de 18% nas vendas da Sprinter significa 10 pontos percentuais a mais em relação aos 8% do mercado como um todo. Num segmento extremamente competitivo como o de Large Vans isso é muito importante e nos motiva a conquistar mais espaço no mercado”, afirma Jefferson Ferrarez, diretor de Vendas e Marketing Vans da Mercedes-Benz do Brasil: “Os estados de São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul são os maiores compradores dessa linha de veículos”.
As principais aplicações que estão puxando as vendas da Sprinter hoje no Brasil são o e-commerce, distribuição geral de produtos nos grandes centros urbanos, ambulância, transporte executivo e turismo.

POLI-USP – De 22 a 25 deste mês os alunos da Poli-USP participam, nos Estados Unidos, da competição anual Global Vehicle Development Project, conhecida por tratar de desafios da mobilidade urbana. Acontece entre as universidades de 12 países que integram o Programa PACE (Partners for the Advancement of Collaborative Engineering Education), liderado pela General Motors mundial para o desenvolvimento da educação de engenharia automotiva. A competição será realizada na unidade da montadora – GM Global Technical Center, na cidade de Warren, Michigan, durante o Fórum PACE 2018.
Nesta edição, as equipes terão de apresentar o protótipo funcional (o veículo pronto para ser usado) de uma solução de mobilidade individual para cidades – Personal Urban Mobility Acess (PUMA), que complemente o transporte público, cobrindo pequenas distâncias, e atendam às necessidades de um cliente específico. A equipe da Poli-USP decidiu, após pesquisa de mercado em São Paulo, desenvolver veículo portátil para pessoas mais velhas, entre 53 e 71 anos de idade.
Os times da competição são formados obrigatoriamente por alunos de diferentes países, entre as instituições de engenharia e design que participam do Programa PACE. A iniciativa colabora para o intercâmbio das escolas e possibilita aos estudantes vivenciarem experiência similar ao ambiente de trabalho globalizado das empresas do setor automotivo. No time da Poli, há universitários da Índia, Estados Unidos, Alemanha, além do Brasil (Poli-USP e Instituto Mauá de Tecnologia).
Os alunos da Poli-USP são supervisionados pelo professor Marcelo Alves, do Centro de Engenharia Automotiva (CEA) da Escola. O Brasil é o único país da América do Sul que participa do Programa PACE – a Poli-USP ingressou em 2005 como a primeira escola brasileira selecionada pelo Programa. As universidades são equipadas com software e laboratórios, oferecidos pelas empresas participantes no PACE. A Poli-USP possui quatro laboratórios equipados pelo Programa, com estações de trabalho e software para Computer Aided Design (CAD), Computer Aided Manufacturing (CAM) e Computer Aided Engineering (CAE), aplicados para conceber, projetar e fabricar veículos.

SOCIAL – O projeto “Costurando o Futuro”, idealizado pela Fundação Volkswagen, acaba de formar 200 novos empreendedores na região de Francisco Beltrão, no Paraná, nos cursos de corte e costura, empreendedorismo e design artesanal. A iniciativa visa a estimular o protagonismo e a autonomia por meio da capacitação profissional, impulsionando a geração de trabalho e renda em comunidades com índice de vulnerabilidade social.
Desde seu início, em 2009, este projeto reutilizou mais de 76 toneladas de tecidos, sobras de bancos e cintos de segurança. A iniciativa surgiu no ABC paulista – próxima à fábrica Anchieta da Volkswagen. Em 2012, foi levada para São José dos Pinhais (PR) – onde a Volkswagen do Brasil também tem fábrica – e estabeleceu uma rede de costureiras.
Após o sucesso das primeiras turmas, nas cidades de São José dos Pinhais e Rio Branco do Sul, a iniciativa chega a 271 empreendedores certificados e mais de 64 produtos desenvolvidos, como bolsas, chinelos, nécessaires, entre outros acessórios. No primeiro semestre de 2018, o “Costurando o Futuro” envolveu dez municípios do Sudoeste paranaense, localizados na região de Francisco Beltrão.

Nelson Tucci é editor de Veículos & Negócios, do Jornal PERSPECTIVA.
Leia também no site www.jornalperspectiva.com.br

segunda-feira, 2 de julho de 2018

Os 50 anos do Corcel

Divulgação              O projeto original era da Willys com a Renault

Nelson Tucci

O Ford Corcel completa 50 anos de seu lançamento no Brasil. É, certamente, um daqueles modelos que marcaram época e foi sucesso da marca no país. Durante seus 18 anos de vida (de 1968 a 1986), somou 1,4 milhão de unidades produzidas e criou um novo padrão no segmento de carros médios, dando origem a uma família completa que incluiu a perua Belina, a picape Pampa, o sedã de luxo Del Rey e a perua Del Rey Scala.
O Corcel teve como base o chamado projeto “M”, que a Willys-Overland do Brasil desenvolvia em parceria com a Renault quando foi adquirida pela Ford em 1967. A versão final incluiu adaptações no motor, câmbio e suspensão. O nome Corcel, escolhido entre 400 opções, foi inspirado no sucesso do Mustang. Com linhas simples e equilibradas, o sedã familiar de quatro portas e tração dianteira (que provocou sobrecarga na cruzeta, situação só resolvida no Corcel II) surpreendeu pelo espaço interno, pela visibilidade e pelo conforto dos bancos. A direção, mesmo sem ter assistência hidráulica, era leve de manobrar. Seu motor 1.3 foi o primeiro a trazer radiador selado, que dispensava a reposição de água.
A remodelação da linha chegou no final de 1977, com o Corcel II, trazendo uma carroceria nova de duas portas – a preferência na época –, nas versões L básica, LDO de luxo e esportiva GT. Por ser mais larga e mais baixa ela fazia o carro parecer maior, apesar de ter praticamente o mesmo comprimento. Lançado com motor 1.4, o Corcel II passou a ser equipado em 1979 com um propulsor 1.6, mais potente. Em 1980, ele introduziu o 1.6 a álcool.

Divulgação              Tecnologia para atrair consumidor

COPA – A Hyundai Motor Brasil é a primeira marca de automóveis a entrar no IGTV, novo recurso do Instagram que permite a publicação de vídeos verticais mais longos, com até uma hora de duração. A montadora sul-coreana aproveitou a estreia da ferramenta na última semana e publicou o primeiro vídeo em seu canal, que também está disponível no perfil @hyundaibr.
O conteúdo da postagem é um compilado dos principais momentos da primeira rodada da Copa do Mundo da FIFA Rússia 2018, da qual a montadora é apoiadora. Já a segunda publicação mostra o resumo da campanha “Be there with Hyundai”, que escolheu a frase “Mais que 5 estrelas, 200 milhões de corações” para o ônibus da Seleção Brasileira. A estratégia, a partir de agora, é abastecer o canal com vídeos diários.
Mas não é só no IGTV que a Hyundai aposta em conteúdo exclusivo. Com a #HyundaiNaCopa, Instragram Stories são publicados diariamente com informações pré, durante e pós-jogo. Os materiais disponibilizados são produzidos pelo time do Desimpedidos, canal de futebol, responsável pela cobertura da Copa para a Hyundai Motor Brasil, e por parceiros da montadora no Brasil, onde há uma equipe especializada em “war room” a postos 24 horas por dia, garantindo maior agilidade nas postagens, e na Rússia.

SHOW DE RECALL – Se você tem um carro da marca Fiat Chrysler atenção para não estragar as férias das crianças. É que a FCA anunciou na sexta-feira última um novo recall para vários modelos. No total foram detectados defeitos em 223.034 unidades do Uno, Argo, Mobi, Strada, Toro, Palio Weekend, Grand Siena e Fiorino.
A campanha tem início a partir de hoje. Desta vez o motivo apontado pela montadora é a eventual falha dos relés dos sistemas de ignição e injeção de combustível dos carros, o que pode levar ao desligamento inesperado do motor e comprometer a dirigibilidade dos veículos envolvidos.
A ação envolve todas as versões de Uno, Argo, Mobi, Toro e Grand Siena com o ano modelo 2018 e 2019, Strada na versão 1.4 com no modelo 2017 e 2018, além de Palio Weekend e Fiorino na versão 1.4 com ano modelo 2018. Para melhor orientação, procure uma concessionária da marca e agende revisão.

Divulgação       Audi consegue economia de materiais em novo processo

PINTURA 1 – Duas cores e um só processo. A Audi está expandindo seus métodos de pintura com a adição de pintura sem excesso de pulverização. Essa tecnologia permite que superfícies específicas de uma carroceria sejam pintadas em cores diferentes – tudo em um único processo de pulverização. É um método econômico e considerado pela fábrica como “ecologicamente correto”. Em uma oficina de pintura piloto na fábrica de Ingolstadt, a Audi está testando um método único na indústria, com tetos de carros na cor preta para contrastar com a carroceria.
O uso de revestimentos pesados, que demoram a ser aplicados, não é mais necessário quando se pinta sem excesso de pulverização. Para aplicar uma cor contrastante, os funcionários anteriormente tinham de usar equipamentos de proteção em parte relevante da carroceria e depois pintá-la separadamente com um segundo processo. Com esta pintura sem excesso de pulverização, um instrumento de alta precisão controlado por robô agora mede a solda a laser entre o teto e a estrutura lateral antes que cada carro seja pintado.

PINTURA 2 – “Pessoas" e "movimento": essas foram as principais inspirações para a pintura "mais nipônica" do Nissan Kicks em homenagem aos 110 anos da imigração japonesa. O projeto vencedor é do Rio de Janeiro, de Daniel Ferreira Junqueira, estudante de design da Pontifícia Universidade Católica. Inspirado nos kanjis, o conceito de Daniel será reproduzido num Nissan Kicks real.

ROBÔS – A Assessoria de Imprensa da Nissan no Brasil também deve ter aderido à tecnologia dos robôs, distribuindo material informativo mecanicamente, pois sequer responde a prosaicos e-mails.
  
AUTÔNOMOS – A Jaguar Land Rover está testando carros inteligentes e conectados em estradas do Reino Unido para se preparar para carros autônomos.
Os testes em vias públicas fazem parte de um projeto de 7,1 milhões de libras destinado a criar a primeira infraestrutura para carros autônomos, totalmente conectada, no Reino Unido. Mais de 60 km de estradas britânicas se beneficiarão de uma combinação mundial de tecnologias sem fio (DSRC, redes móveis 3/4G, WiFi e redes de fibra ótica), garantindo que os veículos sempre possam ser conectados uns aos outros.
Colin Lee, gerente de conectividade da Jaguar Land Rover, diz: “Para aproveitar todos os benefícios dos carros autônomos, precisamos entender a infraestrutura necessária para apoiá-los. A conectividade não só nos leva um pouco mais perto de tornar os carros autônomos uma realidade, mas também cria a plataforma para trazer recursos de segurança mais conectados aos nossos clientes nos próximos anos”.
Com duração aproximada de 30 meses, o projeto é composto por um grupo de empresas como Visteon Engineering Services Ltd., Jaguar Land Rover, Prefeitura de Coventry, Universidade de Coventry, Highways England Company Ltd., HORIBA MIRA, Huawei UK Co Ltd., Siemens, Vodafone Group Services Ltd., Transport for West Midlands e Universidade de Warwick.

Júlio Soares/Divulgação                Novo modelo oferece mais conforto ao motorista

ÔNIBUS – A Neobus já produz e comercializa o seu mais novo modelo de ônibus urbano, New Mega. É o primeiro modelo projetado e desenvolvido com base na recente estratégia de atuação da marca para tornar sua linha de produtos mais adequada às novas demandas do mercado brasileiro e dos clientes.
Ele é resultado de mais de um ano de pesquisas e desenvolvimento. “O ônibus mantém todos os atributos já reconhecidos da marca Neobus. Para o usuário, focamos na ergonomia e comodidade e, para o cliente, o veículo proporciona diferenciais de praticidade, facilidade de manutenção e menor custo operacional do que os principais modelos disponíveis no mercado”, destaca o executivo João Paulo Ledur.
Internamente, o modelo oferece mais espaço e ergonomia para o motorista. O painel passou a contar com novas saídas de ar, inclusive para as pernas, com ventilação mais forte e eficiente. O console é mais ergonômico, proporcionando mais espaço para pernas e movimentação. O novo posicionamento do motorista diminui o desgaste físico e permite que se concentre apenas na condução do veículo.

Divulgação    Apaixonados pelas “kombosas” poderão curtir modelos históricos

KOMBI – Amanhã, 3, o Sambódromo do Anhembi receberá a “Noite da Kombi Modificada”, evento que reunirá os fãs de um dos mais icônicos carros da Volkswagen. Com cerca de 300 Kombis na pista, o Auto Show Collection homenageará o modelo brasileiro que ganhou diversas modificações de seus fãs.
O evento terá participação de diversos clubes de Kombi. Haverá exposição dos principais modelos e versões da Kombi como a pickup, furgão, guincho, motorhome, ambulância, standart e luxo tanto da primeira geração (1957 a 1976), da segunda conhecida como Clipper (1976 a 1996), e a Mexicana (1997 a 2013) incluindo tanto os modelos com motor refrigerado a ar quanto os equipados com motor a água 1,4 litro flex.
Além da exposição, os visitantes terão como atrações uma área de compra e venda de veículos antigos, área de food trucks, praça de alimentação, mercado de peças, amplo estacionamento e infraestrutura com segurança, equipe de apoio, sonorização e iluminação, no maior ponto de encontro dos fãs de automóveis e motocicletas de São Paulo. Mais no site www.autoshowcollection.com.br

FENABRAVE – Vem aí o 28º Congresso & ExpoFenabrave, o maior encontro anual do Setor da Distribuição de Veículos da América Latina, realizado pela Fenabrave. Evento acontecerá nos dias 7 e 8 de agosto, no Transamerica Expo Center, em São Paulo, sob o tema “Resiliência. O mundo é digital e o relacionamento é humano”.
Além dos workshops temáticos, o congresso contará com mais uma edição do encontro dos vendedores, consultores técnicos e gestores de concessionárias.

PSA – Benjamin Sokolowski, atualmente head de Relações Públicas e Relações Governamentais da Opel/Vauxhall, foi nomeado head de Relações Públicas e Relações Governamentais do Groupe PSA, a partir de 1º de agosto. Ele responderá a Grégoire Olivier, secretário-geral do Groupe PSA.
Em sua nova função, Sokolowski será responsável por assuntos públicos e relações com os governos em todos os países em que o grupo possui atividades e receberá o suporte de Fabricio Biondo para a região da América Latina. Ele sucede a Virginie de Chassey, que continuará sua carreira profissional fora do grupo.

Nelson Tucci é editor de Veículos & Negócios, do Jornal PERSPECTIVA.
Leia também no site www.jornalperspectiva.com.br

segunda-feira, 25 de junho de 2018

Dia Mundial do Fusca

Divulgação           827.234 exemplares do modelo no estado de São Paulo

Nelson Tucci

Celebrado internacionalmente na última sexta-feira, 22, o modelo ainda hoje é um dos mais fabricados da história (quase 22 milhões de unidades). No “Dia Mundial do Fusca”, o Detran de São Paulo informa que existem 827.234 exemplares no estado. Destes, 6.430 têm a placa preta, para colecionadores.
Ícone de veículo automotor nos anos 1950/60 no Brasil, o “besouro” é criação do alemão Ferdinand Porsche – o mesmo da marca de esportivos. Lançado em 1935, foi chamado de Volkswagen ou o “carro do povo”, na língua materna. Logo ganhou o mundo, fazendo história em muitos países com nomes ou apelidos, como Beetle, Bug, Käfer, Type 1, Carocha, Coccinelle, Escarabajo, Maggiolino e, no Brasil, era Fusca e por fim “Fuketa”…
O Fusca – batizado de Volkswagen Sedan – é quem iniciou a história da Volkswagen no Brasil, em 1953. Naquele ano começou a montagem, na capital paulista, de modelos com peças importadas da Alemanha. A fabricação brasileira começou em 1959 e foi até 1986. De seu projeto, surgiram outros filhotes como a Brasília e a Variant. Em 1993, o Fusca voltou à linha de produção, a pedido do então presidente Itamar Franco, mas durou pouco – só até 1996. No Brasil, foram fabricados 3,3 milhões de Fuscas. No mundo todo, a produção foi de mais de 21,5 milhões de unidades.

Divulgação              Montadora homenageia a imigração japonesa no Brasil

HOMENAGEM – A busca pela pintura "mais nipônica" para o Nissan Kicks chega à última etapa. A Nissan apresentou os finalistas do "Concurso Acadêmico de Design Gráfico Nissan Kicks em homenagem aos 110 anos da imigração japonesa no Brasil”. As artes reproduzem ícones marcantes do país oriental de maneira ousada, como o próprio crossover, projetado para os latino-americanos com qualidade e tecnologia japonesas.
A comissão julgadora do concurso recebeu projetos de universitários do Rio de Janeiro e de São Paulo. Daniel Ferreira Junqueira (Pontifícia Universidade Católica - RJ), Ian Penteado de Oliveira Gomes (Pontifícia Universidade Católica - RJ) e Mauricio Sacrini (Instituto Mauá de Tecnologia - SP) são os autores dos projetos finalistas.
Daniel optou pela representação dos kanjis, símbolos gráficos japoneses que configuram palavras ou expressões. "Os desenhos buscam o movimento da caligrafia japonesa e também podem se relacionar diretamente com as estradas desbravadas pelo automóvel", disse o estudante. O conceito de Ian, por sua vez, homenageia o Kasato-Maru, navio que em 1908 trouxe os primeiros imigrantes japoneses ao Brasil: "A inspiração veio da cor do navio. O formato ondular faz referência ao longo caminho navegado em mar aberto e também no traçado da pintura japonesa". Já o modelo de Maurício faz uma mescla de diversos ícones japoneses, relacionando-os com o Brasil: "As linhas fluídas e orgânicas simbolizam a relação entre os dois povos. Elas representam uma conexão humana e, ao mesmo tempo, tecnológica".
Os três projetos agora serão avaliados por uma equipe formada por membros do Estúdio de Design da Nissan no Brasil e das áreas de Comunicação Corporativa e Marketing. O vencedor será conhecido na próxima sexta-feira 29.

CONSÓRCIOS – Com 788 mil vendas de novas cotas, o Sistema de Consórcios bateu o recorde quadrimestral dos últimos cinco anos, na somatória de todos os setores onde a modalidade está presente. Em comparação com as 727,5 mil do mesmo período de 2017, houve aumento de 8,3% e somente em abril deste ano as adesões somaram 211 mil, o recorde do ano, sendo 8,2% maior que as 195 mil totalizadas no mesmo mês do ano passado.
Os negócios decorrentes dessas vendas avançaram 5,8%, quando relacionado ao mesmo quadrimestre do ano passado, atingindo R$ 30,47 bilhões (jan-abr/2018) contra R$ 28,78 bilhões (jan-abr/2017).
“No Sistema de Consórcios foram registradas altas, inclusive com novo recorde mensal de vendas de 211 mil adesões em abril, reafirmando a grande procura do consumidor pela modalidade que permite a aquisição de bens ou serviços, com prazos longos, custo baixo, prestações que cabem no orçamento do consumidor e com ampla liberdade e flexibilidade, de acordo com as regras indicadas em contrato. Também nas contemplações, momento em que o consorciado vai ao mercado adquirir seus bens ou contratar serviços, a modalidade propiciou, quase integralmente, injeção na economia de pouco mais de R$ 13,5 bilhões”, esclarece Paulo Roberto Rossi, presidente executivo da Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (ABAC).

IMPORTADOS – Apesar de o resultado de maio ter sido praticamente igual ao de abril, as vendas de veículos das 16 marcas filiadas à Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores (Abeifa) registram crescimento de 39,8% no ano.
Foram licenciadas nos primeiros cinco meses 14.935 unidade, contra 10,7 mil do mesmo período no ano passado. A entidade mantém estimativa de vendas para 2018 em 40 mil unidades.
Em maio a venda de carros importados pelas associadas da Abeifa ficou em 3.239 unidades, registrando pequena alta de 0,1% em relação a abril, quando foram emplacadas 3.237. “O desempenho de vendas em maio poderia ter sido melhor”, explica o presidente da Abeifa, José Luiz Gandini: “Infelizmente, como aconteceu em vários setores da economia brasileira, os importadores também foram prejudicados pela greve. As vendas negociadas na terceira semana de maio não foram concluídas por falta de produto a partir do dia 21”.

Divulgação      Mulheres sauditas agora também poderão dirigir automóveis

MULHERES – Ontem, domingo 24, foi uma data histórica para as mulheres na Arábia Saudita, quando deixou de vigorar a lei que as proibia de dirigir automóveis. A Ford foi uma das organizações que apoiaram o movimento e, além de criar um programa de treinamento na sua rede para atender as novas consumidoras, também está incentivando mulheres jornalistas a conhecer e se integrar ao setor automotivo.
No país, a Ford é representada exclusivamente pela Al Jazirah Vehicles Agencies, que está presente em todo o território. Uma revenda na capital Riad foi especialmente preparada para atender as mulheres, com instalações renovadas, consultoras de vendas treinadas, programa de test-drive e serviço de retirada e entrega do veículo em casa. Outros serviços de assistência serão oferecidos em breve para aumentar a conveniência das clientes.
“A Ford está comprometida em oferecer os produtos, serviços e experiência de propriedade que nossas clientes na Arábia Saudita esperam”, diz Crystal Worthem, diretor de Marketing da Ford Oriente Médio e África: “Desde o anúncio do decreto real autorizando as mulheres a dirigir, temos trabalhado com nossa rede para dar boas-vindas a elas. É um processo contínuo e queremos evoluir junto com as necessidades das consumidoras”.

CÉLULAS – A Audi AG e o Hyundai Motor Group se unem para desenvolver tecnologia de células a combustível. As duas empresas planejam fazer uma licença cruzada de patentes e conceder acesso a componentes não competitivos. O contrato está atualmente sujeito à aprovação das autoridades regulatórias. Eles querem levar a célula a combustível à maturidade da produção em série de forma mais rápida e eficiente. A Audi e a Hyundai também exploram uma colaboração mais abrangente no desenvolvimento dessa tecnologia sustentável.
“A célula a combustível é a forma mais sistemática de condução elétrica e, portanto, um ativo potente em nosso portfólio de tecnologia para a mobilidade premium sem emissões do futuro”, afirma Peter Mertens, membro do conselho de Desenvolvimento Técnico da Audi AG: “Em nosso roteiro de carros FCEV (Fuel Cell Electric Vehicle), estamos unindo forças com parceiros fortes como a Hyundai. Para o avanço dessa tecnologia sustentável, a cooperação é a maneira inteligente de liderar inovações com estruturas de custos atraentes”.
“Estamos confiantes de que nossa parceria com a Audi demonstrará com sucesso a visão e os benefícios dos FCEVs para a sociedade global”, diz Euisun Chung, vice-presidente da Hyundai Motor Company. Além de mais avanços na tecnologia, os principais aspectos para o seu sucesso no mercado futuro incluem a produção regenerativa de hidrogênio e o estabelecimento de uma infraestrutura suficiente.

RECALL – A Indian Motorcycle convoca os proprietários das motos modelos Roadmaster, Chief Dark Horse e Chieftain Dark Horse, ano 2018, fabricadas entre 20 de abril e 6 de novembro de 2017, a agendarem junto a uma concessionária da marca, a substituição do punho de partida do lado direito.
No comunicado, a empresa informa que o punho de partida do lado direito de algumas motos pode desenvolver corrosão dentro do circuito de parada e funcionamento/partida. O contato deste circuito com o controle remoto da motocicleta pode provocar a partida não intencional do motor e, consequentemente, ocasionar danos graves ou fatais ao condutor e/ou terceiros.
Para agendamento e mais informações, a Indian disponibiliza os telefones (19) 3115.9344/9346, das 8 às 18 horas, o e-mail garantiabr@polaris.com e o site www.indianmotorcyclebrasil.com

Divulgação                   Modelo Multistrada ganha mais aceleração

DUCATI – Lançada em junho de 2017, o novo modelo Multistrada 1200 Sport vem equipado de fábrica com acessórios exclusivos, como ponteira e capas de alumínio para reservatórios de fluido, paralamas frontal em carbono, além de silenciador de escapamento Termignoni. Já na versão Sport, a Ducati Multistrada 1200 ganha uma explosão de aceleração e o seu lado esportivo fica acentuado pelo som inconfundível do escapamento Termignoni e paralamas frontal em carbono.
A fabricante informa que as tampas de alumínio da Ducati Performance tem por finalidade completar “o kit dedicado aos motociclistas que buscam o máximo desempenho na estrada”. Com os novos acessórios o modelo Ducati Multistrada 1200 Sport ganhou mais esportividade e o preço sugerido é de R$ 75.900.


Divulgação       Ano passado cerca de 10.000 pessoas passaram pelo evento

SALÃO – Como acontece a cada dois anos, o X Salão Nacional e Internacional das Motopeças reúne as principais marcas do segmento que apresenta ao mercado novidades e tendências. Realizado pela Associação Nacional dos Fabricantes e Atacadistas de Motopeças (Anfamoto), o evento acontecerá de 15 a 18 de agosto no Pavilhão Amarelo do Expo Center Norte, em São Paulo (SP). Segundo Orlando Leone, presidente da entidade, os números das edições passadas do Salão “refletem o sucesso da realização que a cada edição conta com a adesão e a participação de empresas e profissionais vindos de todas as regiões do Brasil e do exterior”.
Fechado ao consumidor final, o Salão Nacional e Internacional das Motopeças atrai visitantes de todos os Estados brasileiros e do exterior, como Mercosul e Ásia. O público é formado por profissionais do setor que englobam empresários, lojistas, compradores, representantes de oficinas, de concessionárias, de entidades de classe e da mídia especializada. A possibilidade de novos negócios é favorecida pela diversidade de setores participantes, com representantes de todos os segmentos do universo de motopeças, equipamentos, capacetes, acessórios, vestuário, pneus, serviços especializados e publicações.
Para 2018, a expectativa é superar o público de mais de 10.000 pessoas da edição passada, contando com o aumento de 20% de visitantes. Em 2016, a IX edição recebeu visitantes da Argentina, Coréia do Sul, Índia, Indonésia, Paraguai e Uruguai. De acordo com dados divulgados pelo Departamento Nacional de Trânsito (abril/2018), o Brasil conta com uma frota duas rodas a motor circulante de 26.461.370, resultando o crescimento acumulado de 847,48% desde 1998. Dono da maior frota nacional, somente o Estado de São Paulo abriga 5.658.433 destes veículos.

HYUNDAI – A Hyundai Motor Brasil inaugurou, na última quinta-feira, as novas instalações da HMB Caminho, concessionária dedicada ao atendimento de vendas e pós-vendas dos modelos HB20 e Creta, produzidos na fábrica da montadora, em Piracicaba (SP). Situada no bairro Areião, a loja fica na região central, em local de fácil acesso pelas principais vias do município.
“Estamos muito felizes em prestigiar a inauguração da HMB Caminho, nossa concessionária em Piracicaba, a cidade natal do HB20 e do Creta”, comemora Angel Martinez, diretor-executivo de Vendas, Marketing e Pós-vendas da Hyundai Motor Brasil: “Temos certeza que todo o carinho e a atenção com que produzimos nossos veículos serão também empregados no atendimento dos clientes piracicabanos na nova loja”.
Inaugurada em novembro de 2012, a fábrica da Hyundai em Piracicaba produz os modelos HB20, HB20X, HB20S e HB20 R spec, e ainda o SUV compacto Creta. Com capacidade produtiva de até 180 mil carros por ano, operando em três turnos, a montadora conta com 2,5 mil colaboradores. Além disso, outros 2,5 mil empregos diretos foram gerados pelos fornecedores que se instalaram no Parque Automotivo de Piracicaba e mais de 20 mil empregos indiretos movimentam a economia local, com a prestação de serviços relacionados à infraestrutura e serviços.

ANUÁRIO – A Volkswagen do Brasil acaba de lançar a 6ª edição de seu “Anuário de Responsabilidade Corporativa”, revelando o compromisso da empresa com a responsabilidade corporativa, sustentabilidade e transparência. A publicação destaca os principais avanços, conquistas e desafios da VW no ano de 2017 em termos de mercado, operações, socioambiental, governança e gestão. O anuário pode ser lido no site www.vw.com.br
Um dos pontos estratégicos da Nova VW é a maior ofensiva de produtos da história da Volkswagen do Brasil, com investimentos de R$ 7 bilhões no desenvolvimento e lançamento de 20 novos veículos até 2020, sendo 13 deles fabricados no Brasil.
“Olhamos para o futuro de forma otimista, cheios de energia e estamos fazendo rápidas evoluções. A ofensiva de produtos da Nova VW é o maior ciclo de renovação de portfólio da história da Volkswagen do Brasil. E nossas fábricas avançam para se tornarem cada vez mais conectadas, flexíveis e autônomas”, afirma Pablo Di Si, presidente e CEO da Volkswagen Região América do Sul e Brasil.

BMW – A fábrica do BMW Group em Araquari (SC) está sob nova direção. Com 25 anos de experiência no BMW Group, o alemão Mathias Hofmann assume a liderança da planta no lugar do conterrâneo Carsten Stoecker, que ocupava o cargo desde abril de 2016 e, agora, terá nova função na fábrica de motores do BMW Group, em Munique. Em suas funções no Brasil, Mathias irá se reportar diretamente para o círculo de produção da BMW, na Alemanha.
Hofmann, de 58 anos, é casado, tem duas filhas e fala quatro idiomas: inglês, alemão, francês e português. Formado em engenharia e administração de empresas na Universidade de Stuttgart, na Alemanha, o executivo já desempenhou funções-chave de gestão em diferentes áreas de produção, como diretor da fábrica de motores em Hams Hall (Inglaterra), diretor da fábrica em Tiexi, Shenyang (China), e vice-presidente de Compras de Equipamentos de Produção e Construção, em Munique (Alemanha).

Divulgação     Lanchas e jet skis serão algumas das atrações do salão catarinense

NÁUTICO – Com 5.000 m2 de feira, 41 vagas molhadas e expectativa de público de mais de 9 mil visitantes, acontecerá de 5 a 8 do próximo mês III Salão Náutico Marina Itajaí, o maior do Sul do país, no litoral norte catarinense. Além de apresentar as últimas novidades em embarcações, entre lanchas, veleiros e megaiates, o evento, reconhecido por difundir a cultura náutica, fortalecer Santa Catarina como polo náutico brasileiro e pela geração de negócios, terá inúmeras outras atrações ligadas ao setor.
Novas tecnologias, produtos para a manutenção de barcos, acessórios náuticos, artigos para o lazer e esportes aquáticos são alguns dos atrativos confirmados. Também haverá produtos premium, entre eles, empreendimentos hoteleiros, vestuário e decoração.

Divulgação      Bruno: lojas de autos ainda precisam se automatizar

ARTIGO
O comportamento do consumidor 2.0 na compra de veículos

Por Bruno Parmezani (*)

A mudança do comportamento do consumidor, influenciado fortemente pelos meios digitais, alterou completamente o processo de compra em diversos segmentos. Um deles é o setor de automóveis, onde as vendas tiveram quedas constantes desde 2012, retomando o crescimento somente em 2018, ao registrar um crescimento de 17,65% nos emplacamentos no 1º quadrimestre, comparado ao ano anterior.
O setor precisou se adaptar ao novo consumidor. Com pouco tempo e buscando praticidade, o comprador utiliza a internet para realizar praticamente todas as fases do funil de compra, deixando grande parte dos 7.400 distribuidores e 48 mil revendedores de veículos com suas lojas praticamente vazias.
De acordo com pesquisas, 94% dos compradores iniciam seu processo de compra de automóveis pela internet, seja em sites de comparadores de preços, utilizando as buscas do Google ou acessando o site das concessionárias diretamente. O poderoso showroom das lojas físicas perdeu espaço para o Youtube. E o número de visitas feitas pelos compradores nas lojas físicas foi caindo consideravelmente, chegando a 1,7 visitas, em um processo de compra. Ou seja, o consumidor se desloca até a loja física quando já está decidido a fechar o negócio.
Normalmente, os consumidores interagem com pelo menos 3 lojas antes de realizar esta visita presencial. Sendo que as principais dúvidas são: financiamento, quanto pagam na troca, negociação e especificações técnicas. Estima-se que nove entre 10 compradores ligam para uma concessionária antes de realizar a visita no local. Estes contatos são considerados chances de ouro para a concessionárias. Contudo, de acordo pesquisa realizada pela Capgemini, 74% dos consumidores se queixavam da demora do retorno das lojas após um contato de interesse. Um grande ofensor de vendas.
Hoje, concessionárias e lojas multimarcas viraram a chave: saíram do OFF para o ON, investindo fortemente em portais verticais, tais como Webmotors, Icarros, OLX, entre outros, para marcarem a sua presença. Desta forma, as lojas conseguiram acompanhar o comportamento de consumo do comprador.
No entanto, as lojas de autos ainda precisam se automatizar e treinar seus times para garantir um atendimento rápido e eficiente para os consumidores. Caso contrário, este valioso consumidor vai comprar o veículo, mas na loja do concorrente.
(*) Bruno Parmezani Antonioli é gerente de produtos na Reachlocal Brasil, voltado ao marketing digital para PMEs.

Nelson Tucci é editor de Veículos & Negócios, do Jornal PERSPECTIVA.
Leia também no site www.jornalperspectiva.com.br

segunda-feira, 11 de junho de 2018

Licencie e viaje tranquilo

Divulgação     Passo a passo para licenciar está no portal www.detran.sp.gov.br

Nelson Tucci

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) alerta que os donos de veículos com placa terminada em 3 devem realizar o licenciamento anual obrigatório neste mês de junho. Quem não regularizar a documentação até o dia 30 estará impedido de rodar a partir de julho.
A frota já ultrapassa 29,4 milhões no Estado de São Paulo, que detém o maior volume de veículos registrados no país. Conforme determina o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), todo veículo precisa ser licenciado anualmente para poder circular, independentemente do ano de fabricação.
O passo a passo para licenciar pode ser consultado no portal www.detran.sp.gov.br, na área “Veículos”. A página também traz uma série de respostas para dúvidas frequentes relacionadas ao tema.

RECALL GM – A General Motors Mercosul convoca os proprietários dos veículos modelos Cobalt, Onix, Prisma e Spin, ano/modelo 2017 a 2019, abaixo identificados, a agendarem junto a uma concessionária da marca, a partir de 7/6/18, a adição de isolante nos terminais de relê da caixa de fusíveis.
Identificação dos veículos envolvidos: Cobalt fabricação 4/2/16 a 21/5/18 chassis HB100045 a KB103118; Onix fabricação 15/1/16 a 24/5/18 chassis HB100028 a KG110336; Prisma fabricação 15/1/16 a 24/5/18 chassis HG100102 a KG110508; Spin fabricação 22/1/16 a 21/5/18 chassis HB100029 a JB259531.
No comunicado a empresa informa que, em determinadas condições, pode haver entrada e acúmulo de água na região dos terminais de relê da caixa de fusíveis, localizada no compartimento do motor, com possibilidade de curto-circuito e acionamento involuntário e contínuo do motor de partida. Este defeito pode ocasionar o superaquecimento do motor de partida com possibilidade de incêndio no compartimento do motor e, em veículos equipados com transmissão manual, estando esta engatada, movimentação involuntária. Em ambos os casos, há risco de lesões corporais graves.
Para agendamento e mais informações a GM disponibiliza o telefone 0800 702 4200 e o site www.chevrolet.com.br

Divulgação         Transmissão mais leve permite rotação menor com a 6ª marcha

ZF – A ZF é a fornecedora da transmissão do novo modelo Iveco Daily City 30S13, lançado em maio no Brasil e chegou para atuar no segmento de 3,5 toneladas, versão de entrada. Trata-se da transmissão ZF 6S-480 de seis marchas que, segundo a fábrica, oferece ao transportador uma série de benefícios relacionados à economia de combustível e melhor produtividade.
“Trata-se de uma transmissão mais leve com um pacote de sincronização e sistema de trambulação otimizado que permite maior precisão nas trocas de marchas e um novo escalonamento. Com isso, é possível que o motor trabalhe em uma faixa mais baixa de rotação, em sexta marcha, otimizando o consumo de combustível”, Silvio Furtado, diretor de Vendas da América do Sul.
A produção da 6S480 ocorre na linha de montagem da ZF em Sorocaba/SP, inaugurada em Setembro de 2016 especialmente para este modelo.

3D – A impressão 3D tem modificado a forma do setor automotivo atuar, trazendo tecnologia, agilidade e competitividade ao setor. A facilidade de se imprimir em 3D, na hora de montar um veículo, um para-choque ou retrovisor, nas cores que o cliente imaginou, faz com que o veículo ganhe valor agregado e a montadora evite estoques. E se ate dois anos atrás o setor de veículos elétricos era capaz de imprimir motores inteiros em 3D, hoje já existem carros totalmente impressos com essa tecnologia, indicando que há um mercado de muitas possibilidades para esse segmento.
Além da indústria automotiva procurar novas formas de processo que viabilize a máxima customização de seus produtos, impressão 3D ou Manufatura Aditiva está influenciando as indústrias a pesquisarem maneiras de autogestão e interligação plena de informações, bem como avaliarem as melhores formas de conectar as informações de produção e logística.
Nesse cenário, a Inside 3D Printing Conference & Expo, edição brasileira do maior evento mundial de impressão 3D, vai trazer a palestra de Celso Luis Placeres, diretor da Engenharia de Manufatura da Volkswagen América do Sul, sobre a indústria 4.0 e a impressão 3D. Placeres vai apresentar a aplicabilidade da Indústria 4.0 na Volkswagen, detalhando o uso de importantes ferramentas como a Fábrica Digital, Realidade Virtual, Impressão 3D entre outros. O evento será realizado nestas 2ª, 11 e 3ª-Feira, 12, no Centro de Convenções Frei Caneca, em São Paulo, e já esteve em países como Cingapura, Inglaterra, Estados Unidos, Alemanha, Austrália, Coreia do Sul e China. Mais em www.inside3dprintingbrasil.com.br/2018

Divulgação   Direção progressiva, durante a frenagem pode recuperar até 12 kW de energia

AUDI – A montadora apresenta a nova cara da Família Q. O modelo Q8 combina a elegância de um coupé de luxo com a versatilidade de um SUV de grande porte. O Q8 será lançado no mercado europeu no terceiro trimestre deste ano.
Com 4,99 metros de comprimento, 2 metros de largura e 1,71 metro de altura, o SUV-cupê é mais largo, mais curto e mais baixo que o “irmão” Q7. Com uma distância entre-eixos de quase 3 metros, oferece interior espaçoso. Há um sistema de três assentos na parte traseira com ajuste longitudinal. Com os encostos dos bancos rebatidos, o compartimento de bagagens comporta até 1.755 litros.
Com o conceito operacional MMI sensível ao toque, quase todas as funções podem ser acessadas por meio de dois grandes monitores. A tela superior de 10,1 polegadas é usada para controlar os sistemas de infotainment e navegação. O motorista usa o display de 8,6 polegadas abaixo para aquecimento e ar-condicionado, funções de conveniência e entrada de texto.

CEGONHAS – O Sindicato Nacional dos Cegonheiros (Sinaceg) participou das negociações e o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) aprovou, no último dia 5, as alterações nas medidas da cegonha, que aumenta o comprimento para 23 metros e o entre eixo para 18 metros.
“Isso muito nos alegra, pois com essas alterações poderemos acomodar melhor as cargas nos equipamentos e dentro das regras do Contran”, explica Jaime Ferreira dos Santos, presidente do Sinaceg.
O texto foi publicado no Diário Oficial do dia 6 e estabelece requisitos de segurança necessários à circulação de Combinações para Transporte de Veículos (CTV) e Combinações de Transporte de Veículos e Cargas Paletizadas (CTVP), considerando a necessidade de se reduzir custos no transporte de veículos, peças e componentes automotivos, sem prejuízo à segurança.

Divulgação        Rad Cool Super: produto inorgânico, deve ser diluído

ADITIVOS – A linha de aditivos para radiador da Promax Bardahl cresceu e apresenta novidades. Além dos já conhecidos Rad Cool Plus, Rad Cool Long Life, Rad Cool M e Rad Cool Ready to Use, a “família” acaba de ganhar três novos “membros”: Rad Cool M Long Life, Rad Cool Long Life Ready to Use e Rad Cool Super.
Utilizados para permitir que o líquido do sistema de arrefecimento do motor não ferva ou congele, os aditivos são essenciais, pois todas as montadoras recomendam no manual do proprietário os aditivos do tipo coolant.
Eles ajudam o motor a funcionar em uma faixa de temperatura ideal, que o permita trabalhar nas condições mais adequadas, obtendo do motor a melhor performance, evitando o superaquecimento e até inibindo a corrosão. Se o radiador não funcionar de maneira adequada e a temperatura não for a ideal, há chances de o motor fundir, além de aumentar o consumo de combustível e a emissão de poluentes.

Nelson Tucci é editor de Veículos & Negócios, do Jornal PERSPECTIVA.
Leia também no site www.jornalperspectiva.com.br