segunda-feira, 12 de novembro de 2018

Tendências de cores automotivas

Divulgação      Consumidores ainda preferem as cores mais conservadoras em seus automóveis

Nelson Tucci

Cores tradicionais, conservadoras, ou mais quentes e ousadas, o que prefere o consumidor? A PPG (empresa norte-americana, fundada em 1883, e de capital aberto) acaba de anunciar seus dados anuais de popularidade das cores automotivas. Segundo o estudo, os consumidores ainda preferem as cores mais conservadoras em seus automóveis. Por conta disto, quase 40% dos carros produzidos em 2018 saíram na cor branca – a preferida entre asiáticos, europeus e americanos do norte e do sul –, seguidos pela preta, com 17%, e pela cinza, com 12%.
Apesar das cores monocromáticas como branco, cinza, prata e preto continuarem a dominar globalmente, aproximadamente 2% das SUVs na América do Norte hoje são verdes. A cor continuou a ter uma forte presença no Salão Automóvel Internacional Norte Americano de 2018, com aplicações em destaque no Mercedes G-Class e no icônico Ford Mustang Bullitt. “Enquanto o verde representa uma pequena porcentagem das atuais preferências globais de cores para 2018, as tendências futuras na indústria automotiva estão refletindo a popularidade do verde na decoração de interiores e nas cores das paredes, móveis, eletrônicos de consumo e muito mais”, diz Jane Harrington, gerente global de Estilo de Cor para Revestimentos Automotivos OEM da PPG.
A posição da PPG como líder de mercado permite que a empresa observe e traduza tendências de cores globais emergentes não só para o uso em carros, mas também para aplicações no design residencial, comercial e industrial. No segmento automotivo, essas cores são apresentadas para fabricantes de equipamentos originais ano a ano. Como as cores de tinta desta empresa são vendidas em mais de 70 países, o desenvolvimento de tendências de cores é um esforço global e transcultural. A colaboração dos mais de 20 especialistas em cores da PPG gera uma abordagem baseada em fatos para as tendências de cores e preferências do consumidor, resultando em uma voz unificada na direção da cor.

Divulgação                                     Jipe Willys, modelo 1953

ÍCONE – O Salão Internacional do Automóvel de São Paulo deste ano foi palco para a apresentação de vários veículos. Um dos destaques ficou por conta da série limitada Jeep Renegade Willys, que homenageou a marca que criou os primeiros veículos da Jeep e, mais especificamente, a origem do modelo pioneiro de 1941, feito sob encomenda para o exército dos Estados Unidos.
Foram apenas 250 unidades, com base na versão Trailhawk, acrescida de vários diferenciais de estilo. A exemplo das inscrições “Willys” nos para-lamas dianteiros e “4-Wheel Drive” na tampa traseira, como era comum nos “antepassados”.
Como o Renegade Willys prestou tributo à origem militar da Jeep, nada mais adequado que mostrar um dos bravos “soldados” mais representativos. Assim, o estande da marca exibiu um Jeep Willys M-38A1 de 1953, a terceira geração dos modelos militares, iniciada com o MB e seguida pelo M-38.

RECUPERAÇÃO – A recuperação do mercado de equipamentos para construção já começou, garante o Estudo Sobratema do Mercado Brasileiro de Equipamentos para Construção, apontando projeção das vendas de equipamentos da linha amarela – movimentação de terra – que deverão crescer 40% neste ano, sobre o ano passado, totalizando 11,6 mil unidades comercializadas. O estudo foi apresentado no evento estratégico Tendências no Mercado da Construção, realizado no dia 8 último, em São Paulo.
Nesse segmento, as vendas de retroescavadeiras devem ter uma expansão de 51% em 2018, chegando a 3,15 mil unidades comercializadas. A estimativa é que as pás carregadeiras tenham uma alta de 42% nas vendas bem como as escavadeiras hidráulicas alcancem um percentual de crescimento de 30%.
O estudo também estima as vendas de caminhões rodoviários utilizados na construção, cuja previsão é de alta de 40% neste ano. Já na categoria “demais equipamentos”, que contempla guindastes, compressores portáteis, manipuladores telescópicos, plataformas aéreas, tratores de pneus pesados, e gruas torre, a expectativa é que o aumento chegue a 25% neste ano. As plataformas aéreas devem obter a maior elevação com 43%. Somada todas as categorias – linha amarela, demais equipamentos e caminhões rodoviários –, as vendas totais de máquinas para construção devem crescer 38% em 2018 em comparação a 2017.

Divulgação                                      Fora de estrada tem preço acima de R$ 100 mil

OFF ROAD – Com visual robusto e marcante, chega ao país o General 4 1000, um UTV de quatro lugares que traz de fábrica um atrativo conjunto de suspensões, com amortecedores Fox 2.0 Podium e sistema de tração on demand VersaTrac Turf Mode (AWD, 2WD e 1WD).
O veículo tem 101cv, gerados pelo motor ProStar 1000 e alimentado por injeção eletrônica. As portas são inteiriças e carrega guincho de 4.500 lbs. O modelo deve aportar por aqui ainda neste mês, com preço sugerido de R$ 109.990.
A responsável pelo produto é a Polaris, empresa que apresentou faturamento de US$ 5,4 bilhões em 2017. Ela desenvolve, produz e comercializa veículos off road inovadores, incluindo quadriciclos (ATVs) e side-by-sides (UTVs). Com 64 anos de história, está presente em mais de 130 países, com 11 subsidiárias: Alemanha, Austrália, Brasil, China, Espanha, França, Índia, Inglaterra, México, Noruega e Suécia.

DETRAN – Em função do feriado nacional da Proclamação da República, dia 15, e do feriado do Dia da Consciência Negra, 20, celebrado em municípios como a capital, as unidades do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP) terão seu funcionamento alterado nessas datas. O mesmo vale para os postos do departamento que estão dentro do Poupatempo. Consulte, pelo site, o funcionamento antes de sair de casa.

MEDALHA – O Groupe PSA do Brasil recebeu, no último dia 6, em Viena, na Áustria, a medalha de prata em uma importante premiação que reconhece as melhores práticas e inspira empresas e indivíduos em todo o mundo a aplicar conceitos de negócios sustentáveis: o Chemical Leasing de 2018, concedido pela UNIDO (Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial). A empresa foi uma das 11 finalistas da edição deste ano, concorrendo com outros 90 projetos, divididos em três categorias diferentes: Estudos de Caso, Inovações Especiais e Pesquisas. Os vencedores foram anunciados e apresentados ao público de especialistas mundiais da indústria, cientistas, acadêmicos, ONGs e instituições criadoras de políticas.
A premiação do Groupe PSA foi conquistada na categoria "Estudos de Caso", com o tema "CPU (Custo por Unidade) - Tratamento de Efluentes gerados nas Cabines de Pintura". Essa prática sustentável foi iniciada em sua fábrica de Porto Real, no estado do Rio de Janeiro, em 2015, liderada pelos colaboradores Fábio Durban, da Pintura, e Mirela Siqueira, da Gestão de Meio Ambiente, em parceria com o fornecedor Green Chemicals.
O prêmio global Chemical Leasing é patrocinado e apoiado conjuntamente pela Unido, pelo Ministério Federal de Sustentabilidade e Turismo da Áustria (BMNT), pelo Ministério Federal Alemão para o Meio Ambiente, Conservação da Natureza, Construção e Segurança Nuclear (BMUB), pela Secretaria de Estado da Suíça para Assuntos Econômicos (SECO), pelo Escritório Federal Suíço para o Ambiente (FOEN) e pela Agência Alemã do Ambiente (UBA).

Divulgação     Empresa chama atenção à Campanha de combate ao câncer de próstata

CAMPANHA – Durante o mês de novembro, o prédio central da sede da Mercedes-Benz do Brasil, em São Bernardo do Campo/SP, estará iluminado na cor azul em apoio à campanha de prevenção e combate ao câncer de próstata. A ação é uma extensão da ocorrida em outubro, quando o prédio recebeu a cor rosa em apoio à prevenção ao câncer de mama.
A iluminação tem como objetivo atrair a atenção de milhares de pessoas que passam diariamente próximo à fábrica de caminhões, ônibus e agregados, situada no bairro Paulicéia, próximo à Rodovia Anchieta, para a realização de exames que identifiquem e previnam a doença.
Para reforçar o tema internamente, entre os colaboradores, a empresa também vai promover palestras sobre a doença com o intuito de explicar os exames preventivos e tratamentos adequados em caso de descoberta. Outra iniciativa é o convite aos colaboradores a utilizarem uma peça de roupa na cor azul às sextas-feiras e enviarem fotos para divulgação nos canais de comunicação interna.

Nelson Tucci é editor de Veículos & Negócios, do Jornal PERSPECTIVA.
Leia também no site www.jornalperspectiva.com.br

segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Veículos vendem 25% mais

Divulgação     Foram 244.740 unidades, entre automóveis e comerciais leves

Nelson Tucci

A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) anunciou crescimento de 24,47% nas vendas de veículos, comparando o mês de outubro com igual período do ano passado. As vendas de 244.740 unidades – entre automóveis e comerciais leves – também são maiores que setembro último, representando crescimento de 19,55% neste mês a mês.
Quando visto o acumulado de janeiro a outubro, chega-se a 3.001.961 de veículos comercializados, representando alta de 13,92% ante o mesmo período de 2017.
Para o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, apesar do clima de expectativa, gerado pelas eleições, o mercado reagiu positivamente: “O mercado manteve sua tendência positiva de crescimento, mesmo diante do cenário conturbado no período. Ainda que com mais dias úteis em outubro (22 dias), o desempenho do setor pode ser observado na média diária de vendas, que cresceu 1,38%, quando comparada com a média de setembro (19 dias úteis)”.

ENGENHARIA – O Centro de Engenharia Automotiva (CEA) da Poli-USP abriu inscrições para o processo seletivo da turma 2019 do curso de Especialização em Engenharia Automotiva (pós-graduação lato sensu). As inscrições serão encerradas no dia 30 de novembro.
A ficha de inscrição e a lista de documentos requeridos estão disponíveis em www.automotiva-poliusp.org.br/pos-graduacao/especializacao/inscricoes/
Há taxa de inscrição no valor de R$ 400. A seleção é feita com base no currículo do candidato, que poderá ser entrevistado. O objetivo do curso é preparar, atualizar e qualificar profissionais sobre produtos, serviços e processos industriais, com competência abrangente para solucionar problemas técnicos e de gestão de empresa do setor automotivo. Entre as disciplinas, estão Tópicos Especiais em Mobilidade, Chassis e Carroceria, Conforto Veicular, Gerenciamento de Custos e Investimentos etc. Outras informações na Secretaria do Centro de Engenharia Automotiva da Poli-USP (11) 3817.5488, mpauto@usp.br, www.automotiva-poliusp.org.br/

PÂNICO – O vereador Esdras Nascimento (PSB), de São Vicente, apresentou, no dia 18 último, um projeto de lei que institui a instalação de dispositivo de segurança para alertar sobre assaltos nos veículos de transporte público alternativo da cidade.
Recentemente, seis vítimas foram assaltadas dentro do transporte público por dois homens armados. A lotação saia do bairro Parque das Bandeiras e ia em direção ao centro da cidade. Buscando a preservação da segurança e vida dos usuários e funcionários do sistema, e com o objetivo de prevenir os mesmos de furtos, roubos, vandalismo, depredação e violência, o vereador deseja levar para a cidade o chamado “Botão de Pânico” nos veículos do transporte público.
O dispositivo que será estrategicamente colocado no veículo é acionado pelo motorista e/ou trocador em caso de crime e emitirá a mensagem “Socorro-Assalto”. Com essa medida, a ação dos bandidos se torna pública e a chegada da Polícia é agilizada. Igual medida já está implantada em outras cidades do Brasil, como no Rio de Janeiro/RJ e em Santa Luzia/MG, onde os índices de roubo reduziram gradativamente.

Divulgação           Cerca de 55% na frota total de Curitiba é Mercedes

ÔNIBUS – A Mercedes-Benz acaba de fechar a venda de 121 ônibus urbanos para a renovação de frota de empresas que operam no Sistema de Transporte Coletivo de Curitiba/PR. A negociação envolveu chassis dos modelos OF 1519, OF 1721 (suspensão mecânica), OF 1721 L (suspensão pneumática), O 500 MA articulado e O 500 MDA superarticulado, que serão destinados para transporte urbano e metropolitano.
Esse lote de veículos foi adquirido pelas empresas Auto Viação Redentor (34 unidades), Auto Viação Santo Antônio (7 unidades), Transporte Coletivo Glória (43) e Viação Cidade Sorriso (37). Após o encarroçamento, as primeiras 100 unidades deverão ser entregues ainda este ano, com o restante previsto até fevereiro de 2019. Os novos ônibus serão utilizados em linhas dos sistemas Alimentador, Convencional, Interbairros, Linha Direta e Expresso (“canaleta”).
De acordo com dados da Setransp, a marca Mercedes-Benz tem uma expressiva participação de aproximadamente 55% na frota total das empresas que compõem os consórcios que operam em Curitiba, formada hoje por cerca de 1.650 ônibus urbanos.

Divulgação                           Leilão foi realizado na Bolsa de Valores

CONCESSÃO – A B3 conduziu na última quinta-feira o leilão para concessão da Rodovia de Integração do Sul (RIS), BR-101/290/386/448, do Rio Grande do Sul. O evento foi promovido pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil e Secretaria de PPI.
O proponente Companhia de Participações em Concessões (CPC), do grupo CCR, representado pela corretora Mundinvest, venceu o leilão ao oferecer tarifa de pedágio de R$ 4,30545, com deságio de 40,53%, pela concessão da Rodovia de Integração do Sul (RIS).
Os trechos que serão concedidos totalizam 473,4 km, sendo 87,9 km na BR-101, 98,1 km, na BR-290, 21,6 km na BR-448 e 265,8 km na BR-386. O edital prevê investimentos de R$ 7,8 bilhões pelo período de 30 anos.

Divulgação                                       VW recebe premiação “Top of Mind”

TOP – A Volkswagen do Brasil conquistou pelo 27º ano o prêmio "Top of Mind", realizado pelo jornal Folha de S. Paulo e pelo Datafolha. A empresa foi considerada a marca de automóveis mais lembrada pelos brasileiros com 25% das menções do público pesquisado.

Divulgação                      Veículo carrega 700 hp de potência

RÁPIDO – A Porsche estabeleceu mais um recorde no circuito de Nürburgring-Nordschleife, Alemanha, em cooperação com a equipe Manthey-Racing. Na quinta-feira, 25, o Porsche GT2 RS MR com 515 kW (700 hp) de potência completou uma volta na pista de 20,6 quilômetros em 6m40,3s. Jamais outro veículo legalmente habilitado para andar nas estradas foi tão rápido na pista conhecida como “O Inferno Verde”. O piloto Lars Kern estava ao volante do carro esportivo, que foi preparado especialmente para Nordschleife por engenheiros da Porsche e especialistas da Manthey-Racing. O piloto de testes da Porsche já havia estabelecido um recorde de volta em setembro de 2017 num Porsche 911 GT2 RS produzido em série.
"Ficamos de olho nas condições do tempo o dia inteiro e pensamos muito se seria possível fazer a tentativa. Não iríamos assumir nenhum risco se chovesse ou se a pista estivesse ligeiramente úmida", conta o Frank-Steffen Walliser, chefe da área de Motorsport e GT Cars. O Porsche 911 GT2 RS foi equipado com o novo kit de performance da Manthey-Racing, suplementado por um acerto geral do veículo especial para as características do circuito de Nürburgring-Norschleife.
O Porsche GT2 RS foi lançado no mercado em 2017 e é o mais rápido e mais potente 911 de todos os tempos até agora. Nos últimos meses, os engenheiros da Porsche utilizaram seu know-how originado no desenvolvimento dos carros de corrida 911 RSR e 911 GT3 R, assim como a experiência que a equipe Manthey-Racing ganhou em numerosas corridas de sucesso no circuito de Nürburgring-Nordschleife. As modificações específicas incluíram as áreas do chassi e aerodinâmica. Os técnicos focaram o tempo todo na capacidade de condução na estrada.

Divulgação                     Uma tentação para pilotos amadores

ESPECIAL – O Ford GT terá uma nova edição limitada, a Carbon Series, com peças de fibra de carbono aparente e visual exclusivo. A proposta do carro é voltada para pilotos amadores que poderão usá-lo tanto para correr nas pistas como para dirigir de volta para casa, combinando elementos dos modelos de competição e de rua do superesportivo.
Diferentemente do modelo de competição, o Ford GT Carbon Series é equipado com ar-condicionado, rádio e multimídia SYNC 3, mas também abre mão de alguns itens, como porta-copos e porta-objetos para manter o peso sob controle. O seu peso total é cerca de 18 kg mais leve, graças a inovações como rodas de fibra de carbono, escapamento e parafusos de titânio e tampa traseira de policarbonato com ventilação adicional.
Na cabine, o Ford GT Carbon Series exibe fibra de carbono nas soleiras, comandos de ar e console central. Ele também tem bancos de padrão exclusivo, com costura prateada que é repetida no volante, além de borboletas de câmbio anodizadas e um distintivo exclusivo no painel. “Este é mais um exemplo de como ouvimos nossos clientes na Ford”, diz Lance Mosley, gerente de marketing da Ford Performance.

RECALL – A Volkswagen do Brasil convocou na terça-feira passada, 30, os proprietários dos veículos modelo Golf (Comfortline e Highline), ano/modelo 2017, fabricados entre 14 de fevereiro e 17 de agosto de 2017, com números de chassis (não sequenciais) de H4001693 a H4004319, a agendarem junto a uma concessionária da marca, a partir de hoje, a inspeção da alavanca do freio de estacionamento e eventual substituição, caso necessário.
A empresa informa ter constatado falha no processo de montagem do freio de estacionamento e, em alguns casos, pode haver o comprometimento da fixação dos cabos no conjunto da alavanca do freio de estacionamento. Em consequência, os cabos do freio poderão se soltar do conjunto da alavanca, tornando-o inoperante, com risco de acidentes e possíveis danos físicos e materiais aos ocupantes e a terceiros.
Para agendamento e mais informações, a Volks disponibiliza o telefone 0800 019 8866 e o site www.vw.com.br

BIKE – A Specialized Brasil convoca os consumidores do garfo Ohlins RXF 36 AIR, inserido nas bicicletas Stumpjumper e Enduro 2017/2018 e Turbo Levo 2018 e garfo Ohlins RXF 34 AIR, vendido no mercado de reposição, a comparecer a um autorizado para efetuar o reparo do garfo.
A empresa informa que a tampa superior do lado direito do garfo, se não for apertada adequadamente, pode se soltar, atingir o consumidor causando danos físicos.
A empresa alerta para que o uso das bicicletas com o equipamento em questão seja suspenso até o atendimento desse chamado. Para mais informações, a Specialized Brasil disponibiliza os contatos www.specialized com e posvendabr@specialized.com

PREMIAÇÃO – A Fiat Chrysler Automóveis (FCA) e CNH Industrial realizaram no dia 30 último solenidade da 22ª edição do Prêmio de Educação, com o reconhecimento de 131 estudantes, filhos e dependentes de empregados, que se destacaram por seu desempenho ao longo do Ensino Médio, Técnico e Superior. A cerimônia aconteceu no Teatro do Centro Cultural Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte/MG, e reuniu os estudantes premiados, seus familiares e diretores da FCA e da CNH Industrial.

RESULTADO – A FCA também anunciou o resultado do terceiro trimestre, alcançando lucro operacional ajustado (EBIT) recorde de 2 bilhões de euros. O resultado é 13% superior ao alcançado em igual período de 2017 e eleva para 5,26 bilhões de euros o lucro operacional ajustado acumulado no ano.
O balanço do terceiro trimestre mostra vendas globais de 1,13 milhão de unidades, receitas operacionais de 28,8 bilhões de euros e lucro líquido ajustado de 1,4 bilhão de euros. Com este resultado, a empresa acumula desde janeiro vendas globais de 3,53 milhões de veículos (crescimento de 8% sobre o acumulado de 2017), receitas operacionais de 84,8 bilhões de euros (expansão de 3% sobre 2017), lucro operacional ajustado (EBIT) de 5,26 bilhões de euros e lucro líquido ajustado de 2,34 bilhões de euros.
Os grandes destaques do trimestre foram o desempenho na América do Norte (Nafta), que contribuiu para o lucro operacional com 1,9 bilhão de euros e margem de 10,2%. A América Latina (Latam) expandiu as receitas operacionais em 14%, para 1,98 bilhão de euros e incrementou o lucro operacional em 41%, apesar da retração do mercado argentino registrada no período. A FCA liderou o mercado brasileiro de automóveis e comerciais leves.
A empresa não informou quanto a redução na frota imprensa brasileira contribuiu para a performance.

Nelson Tucci é editor de Veículos & Negócios, do Jornal PERSPECTIVA
Leia também no site www.jornalperspectiva.com.br